Social Icons

Google+ Followers

Objetivo do missionário evangelista

O que é SER UM missionário?  

O principal objetivo do missionário evangelista é trabalhar no seu ministério, utilizando seus dons, que foram presenteados por Deus, levando a palavra de Deus aos descrentes ou fracos na fé, convertendo pessoas ao caminho da verdade, fortalecendo sua fé em Deus e em Jesus, o Cristo, ajudando no seu crescimento espiritual e preparando-as para produzir bons frutos na obra de Deus.

O missionário deve ter como exemplo Jesus, o maior missionário e evangelizador de todos os tempos, que reuniu e preparou seus discípulos, até que estivessem maduros o suficiente para pregar a palavra com propriedade e fazerem novos discípulos, expandindo a comunidade cristã, sem imposição e nem violência. “Depois que terminou de instruir seus doze discípulos, Jesus saiu para ensinar e pregar nas cidades da Galileia. Mateus 11:1. 
 
Lucas também registra, de forma semelhante, a missão de Jesus: “Depois disso, Jesus ia passando pelas cidades e povoados proclamando as boas novas do Reino de Deus. Os Doze estavam com ele,” Lucas 8:1

Jesus também foi chamado de apóstolo: “Portanto, santos irmãos, participantes do chamado celestial, fixem os seus pensamentos em Jesus, apóstolo e sumo sacerdote que confessamos.” Hebreus 3:1. Jesus foi mandado como apóstolo missionário, ao mundo: “Pois Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para condenar o mundo, mas para que este fosse salvo por meio dele. João 3:17 

Jesus Cristo, com a autoridade do Pai, enviou seus discípulos, como apóstolos missionários, ao mundo (Jo 20:21). E o Pai e o Filho enviaram o Espírito Santo para dar poder à Igreja na missão de buscar os perdidos (Lc 24:49; At 1:8).

A Bíblia diz que Jesus veio ao mundo para salvar os pecadores (1Tm 1:15), portanto, essa deve ser a PRINCIPAL MISSÃO DO MISSIONÁRIO: levar a Palavra de Deus, ou o Caminho para salvar vidas e fazer frutificar.

Essa missão, foi ordenada no evento que os teólogos chamam de A Grande Comissão, ou seja, na
reunião em que Jesus, cumprindo a ordem do Pai, com autoridade, enviou os seus discípulos ao mundo para divulgar e ensinar o “caminho da salvação”, com a ajuda do Espírito Santo (Mc 16:17, 18; At 1:8).

A Grande Comissão (ou Missão) não é uma recomendação, mas uma ordem de Cristo, que registra as condições básicas para a realização de missões, nos quatro Evangelhos, como Mateus 28:19-20: “Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei." Mateus 28:19-20, também em: Mc 16:15-20; Lc 24:46-49; Jo 20:20-2) e o principal verso em que se baseiam as missões, que está no livro de Atos 1:8: “Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão minhas

testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra".

Portanto, fazer e apoiar missões é ordenança bíblica (ordem de Deus) para a igreja de Cristo e não uma mera recomendação.


Para começar a fazer Missões, levando a mensagem de salvação para ser pregada a “todo o mundo” (Mc 16:15), até aos confins da terra, mediante a atuação do Espírito Santo (At 1:8), não precisamos de mais um mandamento bíblico ou de receber uma revelação de Deus! A ordem já está bem clara na Bíblia (1 Co 9:16).

0 comments:

Postar um comentário